Teatro de alta qualidade em Canoas

O uruguaio César Troncoso traz o monólogo "Marx in Soho" Foto: Maria Pia Suaseta

O uruguaio César Troncoso traz o monólogo “Marx in Soho”
Foto: Maria Pia Suaseta

A quinta edição do FESTIA – Festival de Teatro Persistência e Pé na Tábua tem início nesta quinta-feira em Canoas, seguindo até o próximo dia 20 com uma programação diária nos quatro quadrantes da cidade. Serão 23 atrações de 17 grupos diferentes entre nomes internacionais, nacionais e grupos locais, com destaque para as presenças de César Troncoso, do Uruguai; Colectivo de Teatro Callejero Xutil, do México; Ágora Teatro, de São Paulo/SP; Cafuringa, de Recife/PE; Cenopoesia, de CE/RS/PE/RS; Trupe Circuluz, de São Luiz/MA; Bando La Trupe & Cervantes do Brasil, de Natal/RN; Pharkas Serthanejaz, de Recife/PE; Rosa dos Ventos, de Presidente Prudente/SP; Ray Lima, de Maranguape/CE; e os gruposcanoenses Coletivo de Músicos de Rua, Trupe das Gracinhas, Galegos & Frangalhos e EntreVerbo.

Workshop e debate na programação

A primeira atração do Festival é o workshop “Introdução ao Teatro Narrativo”, com o ator Celso Frateschi, que acontece nesta quinta-feira, a partir das 9h, na Praça da Juventude, no bairro Guajuviras. O mesmo espaço ainda vai receber, às 15h e às 19h, o espetáculo “Horácio”. Este premiado monólogo, baseado no texto de Heiner Muller, envolve a plateia de forma natural, estimulando sua participação em um profundo processo de reflexão e tem a direção e atuação de Celso. Na sexta, às 19h30, na Casa das Artes Villa Mimosa (Avenida Guilherme Schell, 6270), acontece o bate-papo “Caminhos Para Uma Arte Pública”, com o pernambucano Alexandre Menezes.

Monólogo em destaque

Um dos destaques da programação fica por conta da presença do ator uruguaio César Troncoso, que estará com a montagem “Marx in Soho”, peça do dramaturgo norte-americano Howard Zinn, e que será apresentado no dia 13 de setembro, às 20h, no Auditório Sady Fontoura Schiwitz (Rua XV de Janeiro, 11). Recheado de ironias e indignação, Marx discorre sobre seus pensamentos mais simples e que nutrem suas teorias econômicas mais complexas, não deixando de fora sua própria história, cheia de percalços, inclusive seu amor pela esposa Jenny. A montagem é dirigida por Juan Tocci.

O Festival também pode ser acompanhado pelas redes sociais, no site festivalfestia.wordpress.com e pelo facebook/festiapersistenciaepenatabua.

Anúncios

Sobre Daniel Soares

Jornalista e músico diletante. Fã de motocicletas e guitarras
Esse post foi publicado em Sem categoria e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s